Arqueologia

Objectivos

icon-licenciatura-arquelogiaA Licenciatura em Arqueologia fornece um amplo enquadramento de natureza teórica e prática, que possibilita a capacidade de ler e interpretar as realidades do passado, contextualizando-as devidamente.

Atendendo a que a Arqueologia constitui um campo eminentemente interdisciplinar, os estudos em Arqueologia procuram manter em aberto espaços de formação opcional que permitam ao licenciado compor parcialmente o seu perfil formativo, em articulação com a Licenciatura em História, o que justifica a natureza do seu próprio curriculum.

O Curso visa abrir vias à investigação arqueológica, sem esquecer outras valências como as da gestão integrada de património arqueológico, a inventariação, quer no âmbito empresarial, quer na Administração Central, quer nas Regiões Autónomas, Autarquias e Museus.

A formação de base que o presente curriculum desenha habilita também os licenciados a integrar-se no mercado das indústrias culturais, não deixando de abrir espaços para outras perspectivas microtemáticas que o estudante entenda ensaiar na sua formação de base.

Pretende-se habilitar os licenciados ao desempenho de trabalhos arqueológicos, devidamente enquadrados em equipas dirigidas por arqueólogos de formação superior (mestrado e doutoramento ou os 2o e 3o ciclos), participar activamente em todas as rotinas do trabalho de campo, bem como em todas as tarefas de registo, inventário e produção de relatórios. O objectivo é fornecer uma formação que permita a realização de tarefas básicas de identificação e caracterização de ocorrências arqueológicas, sustentada num conhecimento genérico de sítios e artefactos e a sua inserção no espaço e no tempo.

 

Condições de Acesso

Código de Curso: 0704 9006
Vagas:
38
Provas de Ingresso (uma das seguintes provas):

  • 11 História
  • 12 História da Cultura e das Artes
  • 18 Português

Classificação Mínima: mínimo 95 pontos (de 0 a 200)
Fórmula de cálculo: (Média do Secundário x 0.5) + (Provas de ingresso x 0.5)
Duração do curso: 6 semestres (180 ECTS)
Percursos Alternativos: Não se aplica

 

Áreas Científicas e Créditos que devem ser reunidos para obtenção do grau ou diploma

Área científicaSiglaCréditos
ObrigatóriosOptativos
Área de Formação Geral (História) HIST 30  

Área de Formação Específica (Arqueologia)

ARQ

126

 

Opções Livres

OP

 

24

Total 156 24

 

Plano de Estudos

1º ano2º ano3º ano
1º Semestre

Introdução à Arqueologia

Sociedades da Idade do Bronze na Penúnsula Ibérica Arqueologia do Mundo Provincial Romano

Introdução ao Desenho Arqueológico 

Indígenas Fenícios e Gregos na Península Ibérica 
Arqueologia da Antiguidade Tardia 

Génese e Evolução da Humanidade 

História Medieval de Portugal  História Contemporânea de Portugal 

Pré-História das Sociedades Camponesas 

Introdução à Epigrafia  Opção

História da Antiguidade Pré-Clássica 

Génese e Consolidação do Pensamento  Seminário 1 
2º Semestre

Métodos e Práticas em Arqueologia 

História da Antiguidade Clássica 

História da Arqueologia em Portugal 

Técnicas de Documentação Gráfica em Arqueologia 

Arqueologia da Conquista Romana 

Arqueologia Islâmica

Sociedades de Caçadores-recolectores na Península Ibérica 

História Moderna e da Expansão Portuguesa 

Opção

Primeiras Sociedades Camponesas na Península Ibérica 

Trabalho de Campo e Laboratório 2 

Opção 

Trabalho de Campo e Laboratório 1 

Opção 

Seminário 2 

 

Principais saídas profissionais

  1. Técnicos de Arqueologia no quadro da Arqueologia Empresarial, Administração Central, Regiões Autónomas, Autarquias e Museus.
  2. Quadros do mercado das "indústrias culturais".
  3. Quadros de gestão integrada de património arqueológico e arqueologia pública.
    Integradas na estrutura curricular, as unidades lectivas de Trabalho de Campo e Laboratório visam fornecer um conjunto de conhecimentos eminentemente práticos.
    Como complemento, o Mestrado em Arqueologia tem como objectivos principais contribuir para um aprofundamento da investigação no campo da Arqueologia, estimulando a pesquisa, criando espaços de aprendizagem e exercício de tarefas de direcção de escavações arqueológicas e de estudos de desenvolvimento dos diversos processos de acompanhamento arqueológico de obras públicas e privadas bem como de valorização de monumentos e sítios.
    Visa ainda formar quadros especializados e com vocação interdisciplinar. São também nossos objectivos programar a formação de técnicos e investigadores aptos para uma multiplicidade de actividades que cobrem campos como a valorização e a gestão cultural de sítios.