Portugal, a Europa e o European Research Council

O Conselho Europeu de Investigação (European Research Council- ERC) celebra, em 2017, 10 anos de existência. Em Portugal, a efeméride foi assinalada, no passado dia 17 de Março, com a iniciativa “Portugal, a Europa e o European Reserch Council”, que teve lugar no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa.


Organizada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), em colaboração com a Agência Executiva do ERC (ERCEA) e a Comissão Parlamentar para a Educação e Ciência e a Agência Ciência Viva, a iniciativa reuniu investigadores ERC, responsáveis de instituições e antigos membros do Conselho Científico num debate sobre o processo de candidatura e o desenvolvimento da investigação no âmbito das bolsas ERC em Portugal.
A sessão comemorativa incluiu várias conferências e mesas-redondas, com convidados oriundos de várias instituições de ensino superior e investigação. Rita Marquilhas, docente da Faculdade de Letras e investigadora do Centro de Linguística da ULisboa, foi uma das convidadas no âmbito da mesa-redonda dedicada ao tema “Desafios Científicos”.


Esta iniciativa contou com um contributo de Manuel Heitor, Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, tendo sido encerrada pela intervenção de Jean Pierre Bourguignon, Presidente do Conselho Europeu de Investigação.


A publicação ERC in Portugal – Beyond the First Decade, lançada pela FCT a propósito desta efeméride, está disponível numa edição online. Poderá, ainda, assistir à gravação das sessões, aqui.


Conselho Europeu de Investigação é um organismo da União Europeia e foi criado em 2007, pela Comissão Europeia, no sentido de promover a excelência científica na Europa, através de apoios a cientistas e investigadores, em todos os domínios do conhecimento.

 

 

Fontes:
ERC 
FCT