Programa Erasmus+: candidaturas a mobilidade para docentes, técnicos e administrativos

a6 01Em consonância com a aposta das Instituições de Ensino Superior na internacionalização, a Faculdade de Letras da ULisboa tem procurado alargar a sua rede de parceiros através da implementação de relações de cooperação estratégicas com as mais prestigiadas instituições internacionais, de forma a incentivar o intercâmbio científico, técnico e cultural e a desenvolver oportunidades de internacionalização para todos os seus estudantes, investigadores, pessoal docente e técnico.

Os números relativos às mobilidades registados pela FLUL refletem o investimento de instituições e organismos europeus no âmbito do programa Erasmus +: se, por um lado, se verificou um aumento do financiamento disponível para mobilidades outgoing, atingindo anualmente os 100.000,00€, por outro lado tem-se registado um aumento do número de mobilidades incoming, nomeadamente de professores e técnicos que têm visitado a FLUL para missões de ensino ou de formação. No ano letivo de 2016/2017 a Faculdade de Letras recebeu, no âmbito do programa Erasmus+, 201 alunos para estudos, seis estagiários para Serviços e Centros de Investigação, 37 professores para missões de ensino e sete técnicos para formação/ troca de boas práticas.

Este crescimento tem sido, em larga medida, proporcionado pelo desenvolvimento de novas parcerias e pela participação em novos projetos internacionais como o Erasmus+ International Credit Mobility, através do qual a FLUL tem desenvolvido uma colaboração com universidades de países terceiros, tais como a Universidade de Sarajevo (Bósnia Herzegovina), a Universidade de Belgrado, na Sérvia, a Ivane Javakhishvili Tbilisi State University, na Geórgia, e a Peoples' Friendship University, na Rússia.

A Faculdade de Letras tem também apresentado diversas candidaturas ao Programa Erasmus+ Key Action 2, tendo integrado, no âmbito do Projecto “Oportunidance – Dance your way through cultures”, um consórcio constituído por mais quatro instituições: The Bucharest University of Economic Studies, Oportunidad - Escuela de baile de Bucharest, ambas na Roménia; Alcandanz, London, no Reino Unido e Université Libre de Bruxelles, na Bélgica. Mais recentemente, em parceria com a Pázmány Péter Catholic University de Budapeste, Hungria, e outras 12 instituições europeias de Ensino Superior, a FLUL obteve financiamento para um novo projeto denominado “Reading in Europe today - Reading and Writing Literary Texts at the Age of Digital Humanities”.

Além destas ações, o programa Erasmus+ continua a possibilitar, através da Key Action 1oportunidades de mobilidade entre instituições de ensino superior europeias quer para alunos, quer para pessoal docente - para a realização de missões de ensino- e pessoal técnico e administrativo, para a realização de um período de formação e partilha de boas práticas. Estas mobilidades são um contributo essencial para a internacionalização das instituições de ensino superior ao nível do seu corpo docente e dos Serviços. 

Encontra-se atualmente a decorrer, na FLUL, o período de candidaturas para mobilidades staff, a realizar durante o ano letivo de 2017/2018. Os interessados podem consultar informações detalhadas na secção Internacional, no portal da Faculdade de Letras.


Texto: Denise Moura, FLUL - Divisão de Relações Externas