Doutoramentos

header doutoramentos

 

Doutoramentos da Faculdade de Letras

 

Nesta página, encontra os cursos de doutoramento da Faculdade de Letras organizados pelas suas quatro grandes áreas disciplinares: Ciências da Linguagem, Filosofia, História e Literaturas, Artes e Culturas. Encontra também os cursos de doutoramento oferecidos pela Faculdade de Letras em parceria (com entidades públicas ou privadas, empresariais, associativas ou da administração pública, nacionais ou estrangeiras) ou em associação (com outras Escolas da Universidade de Lisboa ou outras instituições de ensino superior, nacionais e estrangeiras).

Recomenda-se a consulta do regulamento de cada curso, para completar esta descrição breve.

 

ÁREA DE CIÊNCIAS DA LINGUAGEM

Crítica Textual

O Doutoramento em Crítica Textual, oferecido pelo Programa em Crítica Textual, visa o pensamento sobre os fenómenos da criação de quaisquer textos literários e não literários, assim como os fenómenos da transmissão de textos, desde época antiga ou desde época mais recente. Abrange igualmente as diversas práticas de edição (incluindo a digital) e o pensamento sobre estas práticas, que permitem o progresso do conhecimento, não só sobre os textos editados, mas também sobre a ciência da edição.

O curso tem início com a frequência de seminários (dois obrigatórios e três opcionais) durante quatro semestres (120 ECTS). Seguem-se dois semestres de investigação autónoma e redação de uma dissertação de doutoramento inédita e original, sob orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

A frequência dos seminários pode ser substituída pela participação em projetos de investigação reconhecidos pela Comissão Científica do Programa em Critica Textual ou por um plano de trabalhos sob supervisão, igualmente reconhecido pela mesma Comissão.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano (S1 e S2): curso de doutoramento

Tópicos Avançados em Crítica Textual I | Tópicos Avançados em Crítica Textual II | Opções (60 ECTS)

2.º ano (S3 e S4): investigação orientada

Seminário de Orientação I (30 ECTS) | Seminário de Orientação II (30 ECTS)

3.º ano (S5 e S6): tese

Investigação e redação (60 ECTS)

Créditos totais: 180 ECTS

Duração total: seis semestres

SEMINÁRIOS

Oferta lectiva 2023/2024 »

CORPO DOCENTE

Ângela Correia, Cristina Sobral, Elsa Pereira, Fernando Brissos, João Dionísio.

DIRECTORA DE CURSO

Prof. Doutora Ângela Correia

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2023. Carlotta Defenu. Génese e Reescrita da poesia ortónima de Fernando Pessoa
2022. Teresa Filipe. Edição digital e estudo da marginália de Fernando Pessoa
2022. Alexandre Dias Pinto. History of Portugal, de Robert Southey: Estudo e Edição Genética Parcial
2022. Edna Soares. Variantes Bibliográficas e Textuais na obra de Vasconcelos Maia

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 8 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Horário:Diurno | Regulamento do Doutoramento em Crítica Textual

Linguística

O Doutoramento em Linguística forma para a investigação sobre a língua portuguesa ou outra língua ou conjunto de línguas, tomando uma língua particular como foco único, ou numa perspectiva comparativa. A sua estrutura curricular flexível permite definir planos de estudo individualizados, adaptados aos objectivos dos projectos de investigação e a necessidades de formação específicas.

O Doutoramento organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres, que culminam com a apresentação e discussão pública de um projeto de tese. Os seminários do curso de doutoramento podem ser realizados na Faculdade de Letras ou, parcialmente, em outra universidade nacional ou estrangeira, e podem ainda ser substituídos pela participação em projectos de investigação ou pela realização de um plano de trabalhos com supervisão, mediante parecer da/do orientador(a) da tese e aprovação da direcção do curso. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores e/ou investigadores (120 ECTS). Os doutorandos podem registar a sua tese numa das seguintes especialidades: Análise de Discurso; Filologia; Linguística Aplicada; Linguística Clínica; Linguística Computacional; Linguística Educacional; Linguística Espanhola; Linguística Francesa; Linguística Forense; Linguística Geral; Linguística Histórica; Linguística Portuguesa; Psicolinguística; Sociolinguística; Tradução.

Lecionado por um corpo docente diversificado, especializado e internacionalmente reconhecido, fomenta uma relação estreita com a investigação desenvolvida no Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos Avançados em Linguística 1 | Tópicos Avançados em Linguística 2 | Tópicos Avançados em Linguística 3 | Tópicos Avançados em Linguística 4 | Tópicos Avançados em Linguística 5 ou Opção Livre (12 ECTS)

2.º ano: Curso de doutoramento

Seminário de Orientação (24 ECTS) | Defesa de Projecto de Tese (36 ECTS)

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

CORPO DOCENTE

Todos os docentes do DLGR

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutora Maria João Freitas

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: a definir | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário: Misto | Regulamento do Doutoramento em Linguística


 

ÁREA DE FILOSOFIA

Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável (ULisboa, UNova, UEast Anglia)

Integrado no Programa Doutoral em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável, uma iniciativa conjunta da ULisboa e da Universidade Nova de Lisboa, este doutoramento conta ainda com a parceria da Universidade de East Anglia (Reino Unido). O Doutoramento oferece formação avançada em Ciências Físicas, Naturais, Sociais e Humanas.

O Doutoramento organiza-se em seis semestres (180 ECTS). O curso de formação avançada ocupa os primeiros dois semestres (60 ECTS); os restantes quatro semestres dedicam-se à investigação autónoma e à redacção da tese, sob a orientação de um ou mais professores (120 ECTS).

O doutoramento é leccionado em regime de associação entre a Faculdade de Ciências (FC), a Faculdade de Letras (FL), o Instituto de Ciências Sociais (ICS), o Instituto Superior de Agronomia (ISA) e o Instituto Superior Técnico (IST) (todos da Universidade de Lisboa); e ainda entre a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (FCSH) e a Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) da Universidade Nova de Lisboa (UNL).

Os prazos de candidatura e admissões devem ser consultadas junto das instituições parceiras.

MAIS INFORMAÇÕES 

Número de vagas: 20 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Página do Doutoramento em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento

Ciência Cognitiva (FLUL, FCUL, FMUL, FPUL)

Integrado no Colégio Doutoral Mente-Cérebro da Universidade de Lisboa, o Doutoramento em Ciência Cognitiva forma para o estudo científico da cognição — cérebro, mente e comportamento. Oferece uma formação pluridisciplinar, integrando propostas de várias áreas da Psicologia, Neurociência, Inteligência Artificial, Filosofia, Linguística, Biologia evolutiva, Antropologia e outras ciências sociais, através da aplicação de métodos da Ciência da Computação, Matemática e Física.

O grau é oferecido em parceria da Faculdade de Letras com as faculdades de Ciências, Medicina e Psicologia, associando também várias unidades de I&D da Universidade de Lisboa.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 10 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Página do Doutoramento em Ciência Cognitiva 

Filosofia

O Doutoramento de Filosofia consiste em oito semestres (240 ECTS) organizados do seguinte modo e com os seguintes objectivos. Inicia-se com (i) a frequência de um curso de doutoramento constituído por cinco seminários de tópicos avançados. O curso visa oferecer aos doutorandos um conjunto de conceitos, técnicas, problemas e teorias que cobrem e são característicos de diferentes áreas da Filosofia. O doutoramento prossegue com (ii) a frequência de dois seminários de investigação, nos quais o doutorando realiza investigação autónoma, aplicando, aprofundando e expandindo as competências adquiridas, enquanto identifica, delimita e inicia o desenvolvimento do seu projecto de investigação. Este, no final do quarto semestre, será (iii) objecto de avaliação em provas públicas: a defesa do projecto de tese. Completa-se com (iv) a escrita da tese de doutoramento. Toda a investigação tendente à elaboração da tese de Doutoramento ocorre sob supervisão de um ou mais professores, num máximo de três orientadores, de entre os quais um terá necessariamente de ser um professor do Departamento de Filosofia ou um investigador doutorado contratado do Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos Avançados de Filosofia | Tópicos Avançados de Filosofia | Tópicos Avançados de Filosofia | Tópicos Avançados de Filosofia | Tópicos Avançados de Filosofia

2.º ano: Curso de doutoramento

Seminário de Investigação 1 | Seminário de Investigação 2 | Defesa do Projecto de Tese

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

SEMINÁRIOS

Oferta lectiva 2023/2024 » 

CORPO DOCENTE

Adriana Silva Graça, António Pedro Mesquita, António Zilhão, Bjorn Wastvedt, David Horst, David Yates, Davide Romano, Delia Belleri, Federico Lauria, Filipa Afonso, José Gomes André, Leonor Xavier, Lidia Lanza, Mafalda Blanc, Manuel García-Carpintero, Nuha Al Sha'ar, Pedro Alves, Pedro Calafate, Pedro Galvão, Ricardo Santos.

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor Pedro Galvão

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2023. Escobar, Sandra Cristina Teixeira. Sublime Negativo. Para uma Ética Ambiental.
2023. Santos, Diogo Ferreira Codinha. The Case for a Non-Uniform Account of Evaluative Disagreements and Retractions.
2023. Rêgo, Rui Gonçalo Maia. Altruísmo e Racionalidade Prática na Filosofia de Thomas Nagel.
2023. Marques, Francisco Miguel Bracons Felizol. Violência com Democracia no Pensamento de René Girard.
2022. Fernandes, Sara Margarida de Matos Romão. Neuropotenciação e Identidade Pessoal: Dilemas Neuroéticos.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: a definir | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário: Diurno | Regulamento do Doutoramento em Filosofia


 

ÁREA DE HISTÓRIA

Arqueologia e Pré-História

O Doutoramento em Arqueologia e Pré-História visa a realização de projectos de investigação num domínio científico específico da área, entendido na sua diversidade cronológica e temática, com especial ênfase para projetos com validação científica dos pares, contribuindo para o progresso do conhecimento da área, quer em contexto académico quer profissional. Através de uma leitura transversal, de carácter epistemológico e transdisciplinar, procura criar percursos individuais direcionados para os âmbitos cronológicos específicos de cada especialidade.

O Doutoramento em Arqueologia e Pré-História organiza-se em seis semestres (180 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento de quatro semestres (120 ECTS) seguido de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida de modo particular por um dos centros da Faculdade de Letras: o Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa (UNIARQ).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Arqueologia do Território | Arqueologia da Morte | Métodos e Técnicas de Informação Arqueológica | Métodos e Técnicas de Produção Científica | Métodos e Técnicas de Trabalho de Campo | Arqueologia e o Mundo Contemporâneo | Arqueologia das Cidades

3 Opções Condicionadas (36 ECTS): Sistemas Tecnológicos de Produção Artefactual 1 | Sistemas Tecnológicos de Produção Artefactual 2 | Sistemas Tecnológicos de Produção Artefactual 3 | Sistemas Tecnológicos de Produção Artefactual 4

2.º ano: Investigação e escrita da tese

Seminário de Orientação de Tese 1 | Seminário de Orientação de Tese 2

3.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutora Mariana Diniz

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 5 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Regulamento do Doutoramento em Arqueologia e Pré-História

Ciências da Sustentabilidade (FLUL, FAUL, FCUL, FDUL, FFUL, FMUL, FMVUL, ICS, IGOT, ISA, ISEG)

O Doutoramento em Ciências da Sustentabilidade visa a aplicação da ciência experimental a problemas reais, e a integração do conhecimento e da inovação com a participação da sociedade e dos cidadãos. Forma investigadores e profissionais capazes de compreender as interações entre sistemas globais, naturais, sociais e humanos, e o modo como essas interações afectam os desafios da sustentabilidade.

O Doutoramento organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (60 ECTS), constituído por dois semestres; seguem-se seis semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (180 ECTS).

Centra-se nas áreas científicas de Ciências do Ambiente, Sociais, da Terra, em Humanidades e/ou Saúde, e prevê um estudo interdisciplinar das dimensões da produção e consumo de alimentos: Recursos, Alimentação e Sociedade (REASOn). Para além da Faculdade de Letras, reúne outras Escolas da Universidade de Lisboa: as faculdades de Arquitetura, Ciências, Direito, Farmácia, Medicina, Medicina Veterinária, e os Institutos de Ciências Sociais, de Geografia e Ordenamento do Território, o Instituto Superior de Agronomia e o Instituto Superior de Economia e Gestão.

Leccionado por um corpo docente especializado em áreas muito diversas e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida nos centros de I&D das instituições envolvidas.

Os prazos de candidatura e admissões devem ser consultadas junto das instituições parceiras.

MAIS INFORMAÇÕES 

Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Número de vagas: a definir | Página do Doutoramento em Ciências da Sustentabilidade

História

O Doutoramento em História adopta uma estrutura curricular flexível, constituída por seminários e orientação tutorial. Abrangendo várias especialidades definidas em função de diferentes territórios historiográficos, abre inúmeras possibilidades de projectos de investigação apoiados em percursos de aprendizagem e de pesquisa de acordo com os objectivos e as necessidades de formação específica de cada doutorando.

Leccionado por um corpo docente altamente especializado, o doutoramento permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida pelo Centro de História da Faculdade de Letras (CHUL).

CURSO DE DOUTORAMENTO

A estrutura curricular do 3º ciclo (doutoramento) em História foi renovada e dotada com um novo plano de estudos, vigente a partir do ano lectivo de 2024-25. Esta renovação tem como objectivos principais: reforçar uma formação doutoral mais centrada nas problemáticas de investigação do doutorando e no seu envolvimento activo na comunidade científica nacional e internacional; aprofundar a formação teórica e metodológica em História, no diálogo construtivo com outras ciências sociais e humanidades; reforçar a apresentação regular dos trabalhos em curso, durante os três anos do curso de doutoramento.

O Doutoramento em História organiza-se em seis semestres (180 ECTS). Começa com a frequência de dois semestres de seminários de aprofundamento da formação científica e que inclui a apresentação pelos doutorandos do seu projecto de tese, o qual será apreciado por um júri. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e de escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores. A nova estrutura curricular permite a criação de percursos individuais direcionados para os âmbitos cronológicos específicos de cada especialidade.

Especialidades: História Antiga; História Medieval; História Moderna; História Contemporânea; História dos Descobrimentos e da Expansão; Paleografia e Diplomática; História de África; História e Cultura do Brasil; História Regional e Local; Metodologia e Teoria da História

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Métodos em História: Temas e Problemas I | Seminário da Especialidade I | Projecto de Tese I |Métodos em História: Temas e Problemas II | Seminário da Especialidade II | Projecto de Tese II

2.º ano: Investigação e escrita da tese

3.º ano: Investigação e escrita da tese

CORPO DOCENTE

Ana Filipa Roldão, Ana Travassos Valdez, Ângela Domingues, António Barrento, Augusto Nascimento, Bernardo Sá Nogueira, Cláudia Castelo, Covadonga Valdaliso, Elisabetta Colla, Eugénia Rodrigues, Hermenegildo Fernandes, Isabel Corrêa da Silva (ICS), Isabel Drumond Braga, Javier Herrera Rando, Jorge Semedo de Matos, José Alberto Tavim, José Augusto Ramos, José da Silva Horta, José Damião Rodrigues, José Varandas, Julieta Araújo, Luís Filipe Barreto, Manuel Marques Lobato, Manuela Santos Silva, Maria Alexandre Lousada, Maria de Fátima Reis, Maria de Fátima Rosa, Maria Eugénia Rodrigues, Maria Leonor García da Cruz, Maria Manuel Torrão, Maria Manuela Santos Silva, Maria Paula Marçal Lourenço, Miguel Dantas da Cruz (ICS), Nuno Gonçalo Monteiro (ICS), Nuno Simões Rodrigues, Peter Mark, Rogério Sousa, Sérgio Campos Matos, Susana Tavares Pedro, Teresa Nunes, Vitor Rodrigues.

DIRECTORES DE CURSO

Directora: Prof. Doutora Maria Alexandre Lousada

Subdirector: Prof. Doutor Rogério Sousa

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

Philipp Hofmann. 2023. “A Formidável Espada da Igreja”: Christianity, Clergy, and Portuguese Rule in Eighteenth-Century Angola.
Elisabete Correia Campos Francisco. 2022. "Eu vi a luz em um país perdido": O vencidismo para além dos vencidos da vida (1888-1933).
Ana Luísa Sérvulo Miranda. 2022. Ulemas do Garb al-Andalus no séc. 5/xi análise a partir da prosopografía de los ulemas de al-Andalus.
Ana Cristina Encarnação Santos Leitão. 2022. Povoamento e fronteira na Serra de S. Mamede da Idade Média à Idade Moderna (Sécs. XIII – XV).
José Raimundo Noras. 2022. A ação política e o ideário social de José Relvas (1858-1929).
Pedro Lage Reis Correia,. 2022. Da Ásia para Roma. Centros e periferias na correspondência do Visitador Alessandro Valignano para o Geral da Companhia de Jesus Claudio Acquaviva (1582-1594).
Maria da Glória Carriço de Santana Paula. 2022. Cafres e Cafraria. A construção de categorias classificatórias dos africanos na documentação portuguesa (Séculos XVI e XVII).
Enio Viterbo Martins. 2021. O governo de Eurico Gaspar Dutra e a transição de regime: entre o autoritarismo e as concepções democráticas.
Daniela Maria Dantas Gomes.2020. Mare Nostrum: Military History and Naval Power in Rome (2nd century BCE - 1st century CE).
Adriano António Lima Menezes. 2020. Imprensa e Identidade Sertaneja (1916-1943): Discurso e prática de leitura no Piermonte da Chapada Diamantina, Bahia.
Marília Cunha Imbiriba dos Santos.2020. Família, trajetórias e Inquisição: Mobilidade Social na Amazónia Colonial (c. 1672 - c. 1805).
Bruno Miguel Pack Martins. 2020. Os Marechais do Império durante as Guerras Napoleónicas 1804-1815.
Marco Oliveira Borges. 2020. O trajecto final da carreira da Índia na torna-viagem (1500-1640) : problemas da navegação entre os Açores e Lisboa : acções e reacções.
Vicente Diego Pajuelo Moreno. 2019. El Día de Todos los Santos. Naufragio y rescate en la Carrera de Indias, 1605: orígenes, organización y desarrollo de la Armada de la Guarda.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 25 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Horário: Misto | Regulamento do Doutoramento em História

História da Arte

O Doutoramento em História da Arte oferece uma formação avançada pluridisciplinar para o desenvolvimento de investigação autónoma, criativa e inovadora tanto na componente teórico-metodológica dos estudos artísticos como na das teorias e práticas da investigação em História da Arte e em Arte, Património e Restauro.

O Doutoramento organiza-se em oito semestres (240 ECTS) e oferece dois percursos alternativos, estabelecidos pela selecção de um conjunto coerente de seminários opcionais: em História da Arte ou em Arte, Património e Restauro. Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (120 ECTS).

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida de modo particular pelo ARTIS, Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

PLANO DE ESTUDOS: Especialidade em História da Arte

1.º ano: Curso de doutoramento

Teoria da História da Arte | Temas e Problemáticas em História da Arte | 3 Opções Condicionadas

Opções condicionadas: Seminário de História da Arte da Antiguidade | Seminário de História da Arte Medieval | Seminário de História da Arte Moderna | Seminário de História da Arte Contemporânea | Seminário de História das Artes Decorativas | Seminário de História da Arte do Antigo Império Português

2.º ano: Curso de doutoramento

Coordenação do projecto de investigação I | Coordenação do projecto de investigação II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

PLANO DE ESTUDOS: Especialidade em Arte, Património e Restauro

1.º ano: Curso de doutoramento

Ciência e Consciência do Património | Temas e Problemáticas em História da Arte | 3 Opções Condicionadas

Opções condicionadas: Práticas Curatoriais | Coleccionismo Artístico | Mercados de Arte | Práticas de Gestão do Património Artístico | Museu e Cultura

2.º ano: Curso de doutoramento

Coordenação do projecto de investigação I | Coordenação do projecto de investigação II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTOR DE CURSO

Professora Doutora Maria João Quintas Lopes Baptista Neto

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 10 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Regulamento do Doutoramento em História da Arte

História e Cultura das Religiões

O Doutoramento em História e Cultura das Religiões oferece formação científica avançada no domínio das problemáticas que definem as grandes religiões históricas e que determinaram o diálogo Oriente/Ocidente, bem como a matriz das culturas europeias medievais, modernas e contemporâneas.

A estrutura curricular do doutoramento em História e Cultura das Religiões foi renovada e dotada com um novo plano de estudos, vigente a partir do ano lectivo de 2024-25. O plano de estudos organiza-se em seis semestres (180 ECTS). O curso de doutoramento tem a duração de quatro semestres (120 ECTS), seguindo-se dois semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

Leccionado por um corpo docente altamente especializado, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida de modo particular no Centro de História da Universidade de Lisboa (CHUL), mas também no Centro de Estudos de História Religiosa (CEHR) da Universidade Católica Portuguesa nos Centros de Estudos Clássicos e Humanísticos (CECH) da Universidade de Coimbra e Científico e Cultural de Macau (CCCM).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

História e Cultura das Religiões: Teorias e Metodologias | Correntes Hermenêuticas em História e Cultura das Religiões | Seminário de Projecto | Seminário de Especialidade | 1 Opção livre

2.º ano: Curso de doutoramento

Seminário de Orientação I | Seminário de Orientação II | Investigação e escrita da tese

3.º ano: Investigação e escrita da tese

CORPO DOCENTE

Ana Filipa Roldão, Alfredo Teixeira, Amílcar Ribeiro Guerra, Ana Maria Seabra de Almeida Rodrigues, António Eduardo Hawthorne Barrento, Hermenegildo Nuno Goinhas Fernandes, Isabel Drumond Braga, José Alberto Rodrigues da Silva Tavim, José Augusto Nunes da Silva Horta, José Augusto Ramos, Maria Ana Travassos Valdez da Faria Araújo, Maria de Fátima Rosa, Maria Filomena Andrade, Nuha Al-Ashar, Maria Leonor Xavier, Nuno Manuel Simões Rodrigues, Paulo Fontes, Rita Mendonça Leite, Rogério Sousa.

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor Rogério Paulo Nunes Ferreira de Sousa

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2023. Amaro Carvalho da Silva. Os Trabalhos de Sísifo para a organização de partido Católico em Portugal: do ultimato à República (1890-1913).
2023. Carolina João Andrade. Diálogo Inter-religioso em Bede Griffiths: um modelo de interespiritualidade hindu-cristã.
2023. Manuel Dias de Almeida Sanches. Tibetan buddhism, psychedelics and altered states of consciousness: comparing the bardo thodol to the typical dmt trip and near-death experience.
2023. José Maria Soares Braga. Jesus Apocalyptic Prophet or Mythologoumenon?
2022. Elen Regina da Costa. O Entrudo: ensaio sobre as raízes clássicas do Carnaval.
2022. Delfim Luís Miranda Gouveia Lopes. A ética cristã e o seu impacto no mundo Greco-Romano (séc. I-III).
2022. Max Nelson Resende Pinheiro. The Psychodynamics of Myth: The Absence of God as Mental Illness According to Post-Jungian Analytical Psychology.
2022. Dália Maria Santos Fernandes. O diálogo entre a Fé a a Razão na base da Espiritualidade Cristã (Séc. I - III).
2022. Maria Filomena Esteves Perdigão Barroso Soares. A Diáspora Judaica em Tempos Bíblicos à luz de Ester, Tobite e Daniel

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 5 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Horário: Misto | Regulamento do Doutoramento em História e Cultura das Religiões

História Marítima (FLUL e Escola Naval)

 Oferecido em parceria pela Faculdade de Letras e a Escola Naval, o Doutoramento em História Marítima visa desenvolver competências para investigar com autonomia, avaliando de forma crítica diversos tipos de informação, integrando conhecimentos sobre uma atividade humana multidisciplinar relacionada com o mar, sem descurar implicações éticas e sociais. A componente interdisciplinar permite integrar conhecimentos em estreita relação com a História Social, Económica, Política, Cultural, e das Mentalidades onde se cruzam elementos complexos e diversificados de natureza técnica, como a navegação, a cartografia, a construção naval e a oceanografia.

O Doutoramento em História Marítima organiza-se em seis semestres (180 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento de quatro semestres (120 ECTS) seguido de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida de modo particular por um dos centros da Faculdade de Letras: o Centro de Centro de História da Universidade de Lisboa (CHUL).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

História Marítima: Métodos e Fontes | História Marítima: Mediterrâneo e Atlântico | História do Navio | História Marítima: Índico e Pacífico | História da Navegação

2.º ano: Curso de doutoramento

Seminário de Investigação I | Opções Livres (36 ECTS) | Seminário de Investigação II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor José Damião Rodrigues

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 15 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Regulamento do Doutoramento em História Marítima

Programa Interuniversitário de Doutoramento em História - PIUDHist (FLUL, ICS, ISCTE, UCP, UÉvora)

O Programa de Doutoramento Interuniversitário em História resulta de uma parceria entre a Faculdade de Letras, o Instituto de Ciências Sociais (ambos da Universidade de Lisboa), o Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE), a Universidade Católica Portuguesa e a Universidade de Évora.

Oferecendo uma organização curricular inovadora, contempla quatro eixos temáticos principais: (1) dinâmicas sociais e estruturas políticas; (2) instituições e desenvolvimento económico; (3) impérios, colonialismo e pós-colonialismo; e (4) movimentos intelectuais e socioculturais.

O Doutoramento organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (60 ECTS), constituído por dois semestres, que culminam com a apresentação e discussão em provas públicas de um projecto de tese. Seguem-se seis semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (180 ECTS), prevendo também seis seminários semestrais de acompanhamento e orientação.

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida pelos centros das instituições envolvidas, com destaque para o Centro de Centro de História da Universidade de Lisboa (CHUL).

Os prazos de candidatura e admissões devem ser consultadas junto das instituições parceiras.

DIRECTORA DE CURSO

Prof. Doutora Maria Eugénia Rodrigues (Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.)

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 15 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Programa Interuniversitário de Doutoramento em História


 

ÁREA DE LITERATURAS, ARTES E CULTURAS

Ciência da Informação

O Doutoramento em Ciência da Informação promove o desenvolvimento de investigação original sobre gestão da informação, organização do conhecimento, transformação digital da sociedade e outros tópicos da Ciência da Informação, produzindo conhecimento que contribui, quando transferido e aplicado, para o progresso social, organizacional e tecnológico, respondendo deste modo aos desafios do Desenvolvimento Sustentável.

Para tal, espera-se de cada doutorando o desenvolvimento de competências de nível elevado para a produção de conhecimento inédito orientado para a inovação, o domínio epistemológico da área, a discussão de fenómenos complexos, a discussão e a apropriação de conceitos, e que saiba aplicar métodos e técnicas de investigação, bem como elevada capacidade de trabalho e com autonomia numa atitude de questionamento permanente num ambiente de rigor.

O Doutoramento em Ciência da Informação é leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, que oferece aos doutorandos uma relação estreita com a investigação desenvolvida no âmbito da equipa de Information Science do Centro de Estudos Clássicos da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

O Doutoramento em Ciência da Informação organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Começa com a frequência de um curso de doutoramento (60 ECTS), constituído por dois semestres de seminários de aprofundamento da formação científica em Ciência da Informação. Seguem-se seis semestres de investigação autónoma e escrita da Tese de Doutoramento, sob a orientação de um ou mais Professores (180 ECTS).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Metodologia de Investigação em Ciência da Informação | Organização do Conhecimento | Sistema de Informação | Tópicos de Ciência da Informação

O seminário de Projecto de Tese de Doutoramento é de natureza tutorial.

2.º ano: Seminário de Projecto de Tese de Doutoramento (Tutorial) e escrita da tese de Doutoramento

3.º ano: Escrita da tese de Doutoramento

4.º ano: Escrita da tese de Doutoramento

CORPO DOCENTE

Ana Canas Martins; Carlos Guardado da Silva; Jorge Revez; José Borbinha; Luís Corujo; Maria Teresa Costa; Paulo Farmhouse Alberto; Sara Mendes.

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor Carlos Guardado da Silva

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 15 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário: Diurno  e nocturno (sextas-feiras, 15h30-21h30) | Regulamento do Doutoramento em Ciência da Informação

Estudos Clássicos

O Doutoramento em Estudos Clássicos promove o desenvolvimento de investigação original relacionada com a Antiguidade greco-romana e com a apropriação e reinterpretação que dela se fez posteriormente, a fim de contribuir significativamente para o progresso tecnológico, social ou cultural, e para a construção de soluções mais informadas sobre como enfrentar os desafios de hoje. A produção de conhecimento novo, a conceptualização de questões complexas e de soluções inovadoras, a capacidade de trabalho num ambiente de rigor e exigência são algumas das competências fundamentais desenvolvidas pelo curso.

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, oferece aos doutorandos uma relação estreita com a investigação desenvolvida no Centro de Estudos Clássicos da Universidade de Lisboa.

O Doutoramento em Estudos Clássicos organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Começa com a frequência de um curso de doutoramento (60 ECTS), constituído por dois semestres de seminários de aprofundamento da formação científica em Estudos Clássicos. Seguem-se seis semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (180 ECTS).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Projecto de Investigação I | Seminário de Especialização Temática I | Projecto de Investigação II | Seminário de Especialização Temática II

Os seminários de Projecto de Investigação são de natureza tutorial. Os seminários de Especialização Temática são definidos anualmente.

2.º ano: Seminário de Orientação Doutoral e escrita da tese

3.º ano: Escrita da tese

4.º ano: Escrita da tese

CORPO DOCENTE

Ana Alexandra Tibúrcio Lopes Alves de Sousa, Ana Maria dos Santos Lóio, Ana María Sanchez Tarrío, André Filipe Veloso Nunes Simões, Bernardo Machado Mota, Catarina Isabel Sousa Gaspar, Cristina Maria Negrão Abranches Guerreiro, José Pedro Santos Silva Serra, Luís Manuel Gaspar Cerqueira, Maria Cristina de Castro-Maia de Sousa Pimentel, Nereida Villagra Hidalgo, Paulo Jorge Farmhouse Simões Alberto, Rodrigo Miguel Correia Furtado, Sofia Isabel Pereira Ullán Frade, William Dominik.

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor Bernardo Mota

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

Figueira, Ana Rita Barros. 2020. Iconografia de Aquiles: teatralidade, retórica e comunicação na cerâmica grega dos séculos VI e V a.c. José Pedro Silva Santos Serra.
Resende, Maria Luísa de Oliveira. 2019. Studia graeca em Portugal no século XVI: leitores e tradutores de Luciano de Samósata. Ana María Sánchez Tarrío e José Maria Maestre Maestre.
Brito, Maria Madalena Carrusca Pimenta de Brito. 2019. Fernão Pérez (1531? - 1595?): Do Domínio de um Homem sobre outro Homem. Ana María Sánchez Tarrío e Pedro José Calafate Villa Simões.
Silva, Gabriel Alexandre Fernandes da. 2018. Inueni, germana,uiam: Studies on Magic in Vergil’s Aeneid 4 and in Latin Literature. Paulo Jorge Farmhouse Simôes Alberto. [http://hdl.handle.net/10451/37278]
Figueiras, Ivan Paulo Neves Figueiras. 2018. As duas versões da Passio S. Cucufatis. estudo, edição crítica e tradução. Paulo Jorge Farmhouse Simões Alberto. [http://hdl.handle.net/10451/34783]
Ciafardone, Giuseppe. 2017. A adivinhação no pensamento ciceroniano. Estudos a partir do de Divinatione. Maria Cristina de Castro Maia de Sousa Pimentel [http://hdl.handle.net/10451/32015]
Silva, Ana Filipa Isidoro Da Silva. 2016. Impetus animi: a linguagem dos affectus nas tragédias de Séneca. Maria Cristina de Castro Maia de Sousa Pimentel [http://hdl.handle.net/10451/25079]

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 20 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário: Diurno (preferencialmente, tardes de segunda, terça, quarta) | Regulamento do Doutoramento em Estudos Clássicos

Estudos Comparatistas

Integrado no Programa em Estudos Comparatistas, o Doutoramento em Estudos Comparatistas centra-se na investigação sobre as relações entre textos, formas de arte, diferentes média, contextos culturais, e modos de conhecer na área das Humanidades. Fomenta a inovação teórica e analítica, com base na interrogação flexível e rigorosa de um conjunto variado de textos e problemas. A sua oferta curricular conduz ao estudo crítico das principais linhas de indagação do Comparatismo e propicia uma formação vasta de dimensão internacional, relacionando ensino-aprendizagem e investigação avançada.

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, o doutoramento favorece uma relação estreita com a investigação desenvolvida no Centro de Estudos Comparatistas da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Os doutorandos integram a equipa do centro como "investigadores em formação", o que lhes permite participar nas dinâmicas de pesquisa e disseminação de conhecimento desta Unidade de Investigação financiada pela FCT.

O Doutoramento em Estudos Comparatistas organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres. O primeiro ano (S1 e S2) prevê a formação científica em Estudos Comparatistas com a frequência de cinco seminários curriculares e participação em investigação supervisionada, no âmbito dos grupos de investigação do Centro de Estudos Comparatistas. O segundo ano prevê a frequência de um seminário sobre metodologias de investigação avançada (S3), e o cumprimento de um plano individual supervisionado (S4). No final do quarto semestre, os doutorandos apresentam uma versão intermédia do seu projecto de tese, apreciado por um júri constituído pelo(s) orientador(es), um arguente externo e o director do curso de doutoramento. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (120 ECTS).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos em Estudos Comparatistas I | Tópicos em Estudos Comparatistas II | Tópicos em Estudos Comparatistas III | Seminário Interartes | Opção livre (12 ECTS)

2.º ano: Curso de doutoramento e submissão de projecto de tese

Investigação Avançada I | Investigação Avançada II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

SEMINÁRIOS

Oferta lectiva disponível aqui

CORPO DOCENTE

Alexandra Assis Rosa, Alva Martínez Teixeiro, Ana Bela Morais, Ângela Fernandes, Claudia Fischer, Everton V. Machado, Filipa do Rosário, Gerd Hammer, Hélio Alves, Inocência Mata, Isabel Almeida, Joana Matos Frias, José Pedro Serra, Luísa Afonso Soares, Margarida Madureira, Marta Pacheco Pinto, Ricardo Gil Soeiro, Rita Patrício, Santiago Pérez Isasi.

DIRECÇÃO DE CURSO

Prof. Doutora Ângela Fernandes

Subdirectora: Prof. Doutora Luísa Afonso Soares

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2021. Leite, Daniel da Rocha. A mulher como sujeito perceptivo em romances de Gustave Flaubert, Machado de Assis e Eça de Queirós.
2020. Scaraggi, Elisa. Practices and Experiences of Incarceration. An Inquiry into Papéis da Prisão by José Luandino Vieira. 
2020. Spina, Daniela. Goa e as dobras da história literária em língua portuguesa : o como e o porquê .
2020. Frazão, Joana. A inocência animal, a beleza das mulheres, a certeza da morte. Pensar o cinema a partir do museu e das suas representações em filmes.
2020. Reis, Amândio. Writing the Unknown: Fiction, Reality, and the Supernatural in the Late-Nineteenth Century Short Story (Machado, James, Maupassant).

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 10 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário Diurno | Regulamento do Doutoramento em Estudos Comparatistas

Estudos de Cultura

Integrado no Programa de Cultura e Comunicação, o Doutoramento em Estudos de Cultura oferece formação avançada no cruzamento das tradições das ciências da cultura e estudos culturais e organiza-se em três eixos temáticos: Matrizes da Cultura: Identidades e Poder; Comunicação, Discurso e Sociedade; Gestão de Tendências e da Cultura. Apresenta uma pluralidade de perspectivas metodológicas e teóricas e contribui para a adequação da investigação a uma realidade sociocultural mutável, estabelecendo um diálogo transdisciplinar entre as áreas das ciências sociais e das humanidades e estimulando, ao mesmo tempo, o conhecimento e estudo de novas áreas. Propicia cruzamentos particularmente relevantes entre comunicação, filosofia, sociologia da cultura, ciências da linguagem, história, gestão cultural, estudos dos média, indústrias criativas, políticas culturais. Este doutoramento está desenhado e orientado tanto para um perfil académico como para um percurso no sector da cultura ou na esfera empresarial.

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida nos seguintes centros: Centro de Estudos Anglísticos da Universidade de Lisboa; Centro de Estudos Clássicos; Centro de Linguística da Universidade de Lisboa; Centro de Estudos Comparatistas. Os candidatos e interessados devem consultar a informação detalhada que é disponibilizada para cada ano lectivo.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos em Estudos de Cultura I | Leituras Orientadas I | Tópicos em Estudos de Cultura II | Opção Livre (12 ECTS)

2.º ano: Investigação e escrita do projecto de tese (S3) e da tese (S4)

Leituras Orientadas II | Seminário de Orientação

3.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTORES DE CURSO

Prof. Doutora Adelaide Meira Serras e Prof. Doutor Nelson Pinheiro

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2020. Cohen, Suzana. Os estudos de tendências e a tecnologia: análise de cenários e de impactos socioculturais.
2020. Arantes, Rita. Banksy’s Multimodal Representations: a cultural-rhetorical-cognitive analysis.
2019. Resende, Nélia. O guionismo como prática cultural: o olhar do guionista.
2017. Córdoba, Juan. El metarrelato mediático de la violencia en Colombia: su espectacularización en una cultura del miedo.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 5 |Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Regulamento do Doutoramento em Estudos de Cultura

Estudos de Teatro

Integrado no Programa em Estudos de Teatro, o Doutoramento em Estudos de Teatro oferece uma formação avançada que tem por base o treino em novas áreas e metodologias de investigação sobre teatro, artes performativas e estudos de performance, visando a produção de conhecimento original e de nível internacional. Fomenta a participação colaborativa em projectos de investigação, o cruzamento com outras disciplinas e a inserção em contextos práticos de criação artística e produção cultural que venham potenciar as competências académicas.

Leccionado por um corpo docente especializado e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida de modo particular pelo Centro de Estudos de Teatro da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CET-FLUL).

O Doutoramento em Estudos de Teatro organiza-se em seis semestres (180 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres. Seguem-se dois semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

Nota: Fase única de admissão até 31 de Março. As ofertas de admissão são feitas até 15 de Abril.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Metodologias de Investigação em Teatro e Artes Performativas | Teorias do Teatro e da Performance | Opção Condicionada (12 ECTS) | Workshop I – Prática como Investigação | Seminário de Doutoramento | Opção Condicionada (6 ECTS)

2.º ano: Curso de doutoramento

Workshop II | Seminário de Orientação I | Seminário de Orientação II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

Seminários de Opção Condicionada (uma selecção da seguinte lista é oferecida anualmente):

Estudo do Teatro e Humanidades Digitais (12 ECTS) | Espectáculo e Cognição (12 ECTS) | Questões Sociopolíticas das Artes Performativas (12 ECTS)

Genética Teatral (6 ECTS) | Artefactos, Matérias e Espacialidades (6 ECTS) | Dramaturgias do Corpo (6 ECTS) | Crítica das Artes performativas (6 ECTS) | Escritas de Cena (6 ECTS)

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor José Maria Vieira Mendes

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2021. Oliveira, Cláudia. Ser Actor. Figurações nas memórias de actores portugueses nascidos no século XIX .
2020. Barbosa, Sónia. Projecto Karamazov- pesquisa e criação teatral a partir de «Os Irmãos Karamazov» de Fiódor Dostoiévski.
2020. Franqueira, Sara. O lugar cenográfico em mutação face às práticas contemporânea: discursos internacionais e interlocutores em Portugal.
2019. Ferreira, Licínia. O Teatro da Rua dos Condes, 1738-1882.
2019. De Souza, Newton. Teatro de Rua na Cadência do Samba. O processo de montagem do espectáculo «O Nome do Negro» , em S.Paulo.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 5 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Regulamento do Doutoramento em Estudos de Teatro | Programa em Estudos de Teatro

Estudos Portugueses e Românicos

O Doutoramento em Estudos Portugueses e Românicos encontra-se em funcionamento no presente ano lectivo 2023/24.

O Doutoramento em Estudos Portugueses e Românicos visa a realização de investigação significativa e original no domínio amplo dos Estudos de Literatura e de Cultura aplicado aos contextos de língua românica.

O Doutoramento em Estudos Portugueses e Românicos organiza-se em oito semestres (240 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (120 ECTS). No final do quarto semestre, os doutorandos apresentam o seu projecto de tese, que é apreciado em provas intermédias por um júri.

Nota: A partir de 2022/2023 este doutoramento só aceita candidaturas para Estudos Portugueses.

Os interessados num Doutoramento em Estudos Românicos devem candidatar-se ao novo curso de Doutoramento em Literaturas Artes e Culturas Modernas, nas especialidades de Estudos Franceses, Italianos, Espanhóis, Hispano-Americanos. Para mais informações, consulte esta página e esta notícia.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos em Estudos Portugueses e Românicos I | Tópicos em Estudos Portugueses ou Africanos ou Brasileiros ou Franceses ou Hispânicos ou Italianos | Tópicos em Estudos Portugueses e Românicos II | Tópicos em Estudos Portugueses ou Africanos ou Brasileiros ou Franceses ou Hispânicos ou Italianos | Opção Livre (12 ECTS)

2.º ano: Curso de doutoramento; escrita do projecto de tese e da tese

Seminário de Orientação I | Seminário de orientação II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

SEMINÁRIOS

Oferta lectiva 2023/2024

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutor João Dionísio

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2022. Carvalho, Maria Helena Costa de. A lucidez do poema. A meditação metapoética como caminho filosófico e sapiencial em António Ramos Rosa.

2021. Peruzzo, Consuelo. A identidade do imigrante judeu nos romances de Moacyr Scliar.
2021. Jesus, Cátia Sofia Fidalgo de. O outro a ser eu. A dimensão auto-representativa em José Rodrigues Miguéis.
2021. Datia, Carla Sofia Marques. A engrenagem de produção de Mário-Henrique Leiria.
2020. Gonçalves, Susana Marisa Fernandes Moreira. Narrativa e cidade no romance compósito hispano-americano.
2019. Banasiak, Marta. Os lugares do outro: representações das relações de poder na obra de João Paulo Borges Coelho e J. M. Coetzee.

MAIS INFORMAÇÕES

Vagas: 10 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Regulamento do Doutoramento em Estudos Portugueses e Românicos | Website Pós-graduação em Literatura Portuguesa

Literatura Portuguesa

O novo Doutoramento em Literatura Portuguesa abrirá  para o ano lectivo 2024/25.

O Doutoramento em Literatura Portuguesa dirige-se a quem pretende fazer estudos avançados sobre Literatura Portuguesa. Os professores deste curso podem orientar projectos de investigação relacionados com qualquer período da história literária portuguesa e desenvolvidos em múltiplas perspectivas. Além disso, a estrutura flexível do curso permite uma adequação modular às expectativas dos estudantes.

O Doutoramento em Literatura Portuguesa organiza-se em oito semestres (240 ECTS): inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento (120 ECTS), constituído por quatro semestres; seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (120 ECTS). No final do quarto semestre, os doutorandos apresentam o projecto de tese, que é apreciado por um júri em provas intermédias.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Investigação Avançada em Literatura Portuguesa I | Investigação Avançada em Literatura Portuguesa II | Leituras Orientadas I | Leituras Orientadas II | Leituras Orientadas III

(as Leituras Orientadas I, II e III podem ser substituídas total ou parcialmente por seminários e/ou actividades de investigação creditadas de acordo com o plano individual de doutoramento)

2.º ano: Curso de doutoramento

Projecto I | Projecto II

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutora Isabel Almeida

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES

Vagas: - | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Regulamento do Doutoramento em Literatura Portuguesa | Website Pós-graduação em Literatura Portuguesa

Literaturas, Artes e Culturas Modernas

Oferecido pela primeira vez em 2022/2023, o Doutoramento em Literaturas, Artes e Culturas Modernas unifica o estudo pós-graduado de literaturas, artes e culturas modernas estrangeiras.

Numa perspectiva interdisciplinar, cruza o estudo de literaturas, artes e culturas, tanto de áreas dominantes como de áreas menos estudadas, que fazem parte da matriz fundamental de uma Escola de Humanidades como a Faculdade de Letras.

Dotado de uma estrutura flexível e um plano de estudo único em Portugal, o curso fomenta o conhecimento crítico de relevantes aspectos históricos e teóricos do campo das Literaturas Modernas, cobrindo diferentes geografias, géneros, identidades e tempos; pretende dotar os estudantes de ferramentas teórico-metodológicas necessárias para desenvolverem investigação nos vários domínios das Literaturas Modernas; aprofunda capacidades de interpretação e reflexão crítica sobre obras de arte; e prepara a produção de pensamento e discurso crítico autónomo.

Prevê a construção de um percurso individualizado, ao estabelecer que a especialidade seleccionada pelos estudantes, para o seminário de orientação e a tese de doutoramento, defina a especialidade.

O Doutoramento no Ramo de Literaturas, Artes e Culturas Modernas integra numa única oferta pós-graduada as seguintes nove especialidades:

Estudos Africanos de Língua Portuguesa | Estudos Alemães | Estudos Brasileiros | Estudos Espanhóis | Estudos Franceses | Estudos Ingleses | Estudos Italianos | Estudos Hispano-Americanos | Estudos Norte-Americanos.

NB: The PhD in Modern Literatures, Arts and Cultures can be taken entirely in English. The compulsory seminar - Great Questions in Modern Literatures - as well as the two compulsory topical seminars are taught in English in the specialities of English studies and North American studies. The optional seminar may be taken in English, provided that the choice falls either on a seminar in the specialities of English studies and North American studies, or in Research in Modern Literatures

PLANO DE ESTUDOS

Centrado na área das Literaturas Modernas, o curso prevê a frequência de uma componente lectiva constituída por 5 seminários e a escrita de uma tese de doutoramento.

1.º ano: Componente lectiva

1 seminário obrigatório: Grandes Questões em Literaturas Modernas

3 seminários à escolha entre: Investigação em Literaturas Modernas | Tópicos em: Estudos Africanos de Língua Portuguesa/ Estudos Alemães/ Estudos Brasileiros/ EstudosEspanhóis/ Estudos Franceses/ Estudos Ingleses/ Estudos Italianos/ Estudos Hispano-Americanos/ Estudos Norte-Americanos

1 seminário de Opção Livre (12 ECTS)

2.º ano: Investigação e escrita da tese

Seminário de Orientação | Tese

3.º ano: Investigação e escrita da tese

Tese | Tese

4.º Ano: Investigação e escrita da tese

Tese | Tese

CORPO DOCENTE

Adelaide Serras, Ana Mafalda Leite, Ana Mendes, Alva Teixeiro, Ângela Fernandes, Angélica Varandas, António M. Feijó, Carlos M. Gouveia, Cecília Beecher Martins, Cláudia Fischer, Filomena Guarda, Gerd Hammer, Hélio Alves, Inocência Mata, Isabel Almeida, Joana Matos Frias, João R. Figueiredo, José Duarte, Luísa Afonso Soares, Margarida Vale de Gato, Maria João Almeida, Maria Sequeira Mendes, Mário Avelar, Marta Pacheco Pinto, Miguel Ramalhete Gomes, Miguel Tamen, Patrícia Soares Martins, Rita Patrício, Rita Queiroz de Barros, Teresa Casal

DIRECTOR DE CURSO

Professor Doutor Mário Avelar

Subdirectores: Prof. Doutora Ângela Fernandes, Prof. Doutora Ana Cristina Mendes, Prof. Doutor Gerd Hammer

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

MAIS INFORMAÇÕES

Vagas: 15 | Créditos ECTS: 240 | Duração: 8 semestres | Horário: Diurno | Regulamento do Doutoramento em Literaturas, Artes e Culturas Modernas

Português como Língua Estrangeira/ Língua Segunda

O Doutoramento em Português como Língua Estrangeira/ Língua Segunda permite desenvolver investigação original e aprofundada sobre o processo do ensino/aprendizagem do Português como Língua Estrangeira/ Língua Segunda, formando para a gestão e desenvolvimento de projectos no âmbito dos estudos linguísticos, culturais, literários e multiculturais, no domínio científico da Língua e Cultura Portuguesa.

O doutoramento organiza-se em seis semestres (180 ECTS). Inicia-se com a frequência de um curso de doutoramento de dois semestres (60 ECTS), constituído por quatro seminários obrigatórios e um opcional. Seguem-se quatro semestres de investigação autónoma e escrita da tese de doutoramento, sob a orientação de um ou mais professores (60 ECTS).

Leccionado por um corpo docente especializado na área e internacionalmente reconhecido, permite uma relação estreita com a investigação desenvolvida por vários centros da Universidade de Lisboa: o Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL), o Centro de Estudos Clássicos e o Centro de Estudos Comparatistas (CEC, FLUL); e da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, o Centro de Estudos de Linguística Geral e Aplicada (CELGA-ILTEC).

Nota: Para os estudantes internacionais que não tenham a Língua Portuguesa como língua materna ou língua segunda, são ainda requeridos conhecimentos de Língua Portuguesa de nível C1, certificados por exame oficial do CAPLE (Diploma Avançado de Português Língua Estrangeira) ou do CELPEBras (Avançado).

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Linguística Aplicada ao Ensino do Português | Tópicos Avançados em Linguística Aplicada | Multiculturalismo e Dinâmicas Interculturais | Estudos de Cultura: Contextos e Usos da Língua Portuguesa| Opção Livre (12 ECTS)

2.º ano: Investigação e escrita da tese

3.º ano: Investigação e escrita da tese

DIRECTOR DE CURSO

DirectoraProf. Doutora Inocência Mata

Subdirector: Doutor Luca Fazzini

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

2020. Jiayi, Yuan. A China e Macau a partir de duas “navegações” portuguesas do século XX : O Caminho do Oriente (1932) de Jaime do Inso e Nocturno em Macau (1991) de Maria Ondina Braga
2019. Chicumba, Mateus Segunda. A educação bilingue em Angola e o lugar das línguas nacionais. Prémio FERNÃO MENDES PINTO 2020, da Associação das Universidades de Língua Portuguesa (AULP).
2019. Zhang Hanzi, Avaliação de Competência Intercultural: Estudantes Universitários Chineses de PLE.
2018. Jiangmei, Wang. O ensino da língua portuguesa na China interior: do ensino à aprendizagem.
2018. David, Cristina Amado Franca Castelo e. A língua portuguesa e as línguas de contacto : o impacto da política linguística em São Tomé e Príncipe.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 10 | Créditos ECTS: 180 | Duração: 6 semestres | Regulamento do Doutoramento em Português como Língua Estrangeira/ Língua Segunda

Teoria da Literatura

Oferecido desde 1994 pelo Programa em Teoria da Literatura da Universidade de Lisboa, este doutoramento é, acima de tudo, um doutoramento em humanidades. Neste programa de pós-graduação não são tratadas questões ou escritas teses de uma só espécie. O entendimento da literatura enquanto forma de arte suscita problemas como a relação entre literatura e linguagem, literatura e interpretação, literatura e outras artes, literatura e conhecimento, literatura e política, literatura e teoria moral, literatura e teoria da acção, literatura e filosofia.

O curso de doutoramento é constituído pela frequência de seminários durante os quatro semestres iniciais. A conclusão desta componente lectiva depende da obtenção da classificação “aprovado” no Seminário de Investigação II. Concluído o curso de doutoramento, inicia-se o trabalho na tese, que consiste numa dissertação inédita original com o máximo de 75 mil palavras, demonstrando a capacidade de investigação autónoma dos candidatos. A tese deverá ser apresentada num máximo de dez semestres após a admissão no ciclo de estudos.

PLANO DE ESTUDOS

1.º ano: Curso de doutoramento

Introdução ao Estudo Avançado da Literatura (Doutoramento) | Tópicos de Teoria Literária (Doutoramento) | Tópicos de Teoria Literária (Doutoramento) | Tópicos de Teoria Literária (Doutoramento) | Tópicos de Teoria Literária (Doutoramento)

2.º ano: Curso de doutoramento

Tópicos de Teoria Literária (Doutoramento) | Opção livre (12 ECTS) | Seminário de Investigação I: Projectos de Tese (Doutoramento) | Seminário de Investigação II: Colóquios de Tese (Doutoramento)

3.º ano: Investigação e escrita da tese

4.º ano: Investigação e escrita da tese

5.º ano: Investigação e escrita da tese

SEMINÁRIOS

Veja a oferta lectiva corrente.

DIRECTOR DE CURSO

Prof. Doutora Maria Sequeira Mendes

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

TESES MAIS RECENTES

BORGES, Marana. PhD. 2023. O luto em Proust 

CASTRO, Tomás N. PhD. 2023.  Composite Works of Art: Philosophy of Art after Plato and Aristotle.

KAMPSCHROER, Philipp. PhD. 2023.  De Lisboa às serras: a evolução de Eça de Queiroz 

HENRIQUES, Raimundo. PhD. 2022. Ornament and Nonsense.  Wittgenstein's Architecture and Wittgenstein's Early Philosophy.

FURTADO, Maria Rita. PhD. 2022. James and Joyce.

MAIS INFORMAÇÕES 

Vagas: 3 (max. 5) | Créditos ECTS: 300 | Duração: 10 semestres | Regulamento do Doutoramento em Teoria da Literatura | Programa em Teoria da Literatura


 

Programas internacionais de Doutoramento

Os doutorandos da Faculdade de Letras podem solicitar a elaboração da tese em regime de cotutela internacional. O Regime de co-tutela internacional permite realizar uma parte do programa doutoral numa instituição de ensino superior estrangeira, sob orientação de, pelo menos, um professor de cada instituição, e assim obter o grau de doutor atribuído pelas duas instituições.

Para mais informações, consulte a página sobre os programas internacionais de Doutoramento.

 


 

Organização do ciclo de estudos de doutoramento

Um doutoramento da Faculdade de Letras tem uma duração variável, entre 6 e 10 semestres (180 - 300 ECTS), e integra:

  1. A realização de um curso de doutoramento, constituído por um conjunto de seminários de aprofundamento da formação científica dos alunos; nalguns casos, o curso de doutoramento pode ser substituído pela participação num projecto de investigação num dos 10 centros de I&D da Faculdade de Letras (ou de outras unidades), ou pela realização de um plano de trabalhos de investigação com supervisão.

  2. Alguns cursos de doutoramento prevêem a submissão e discussão em provas públicas de um projecto de tese, uma vez concluído o curso de doutoramento;

  3. A elaboração e aprovação em provas públicas de uma tese original, especialmente redigida para esse fim, adequada à natureza do ramo e especialidade; nalguns casos prevê-se em alternativa a compilação de um conjunto coerente e relevante de trabalhos de investigação, enquadrados por uma introdução, revisão bibliográfica, discussão e conclusões gerais. A tese é submetida e discutida em provas públicas, por um júri maioritariamente externo à Faculdade de Letras.

Os alunos podem optar por concluir somente os seminários oferecidos no curso de doutoramento. Nesse caso, concluem um curso pós-graduado de especialização, atestado por um diploma.

Os seminários de doutoramento são oferecidos em horários abrangentes, de segunda a sexta-feira, entre as 8:00 e as 22:00.

Ramos e especialidades

Os ramos e especialidades de doutoramento da Faculdade de Letras são os dos cursos e programas de doutoramento acreditados pela Agência competente. Quando não haja ramos e especialidades acreditados, é considerado ramo único a área do doutoramento expressa na sua designação.

Consulte lista de Ramos e Especialidades de Doutoramento da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Internacionalização

Mobilidade outgoing | Durante o doutoramento, os alunos podem optar por sair em mobilidade, frequentando um ou dois semestres noutras universidades de topo, geralmente na Europa, aproveitando programas como o ERASMUS+. A Faculdade de Letras tem acordos com as melhores universidades estrangeiras, proporcionando aos seus estudantes uma formação internacional. Para conhecer a oferta de programas de mobilidade internacional e as universidades que os alunos da Faculdade de Letras podem frequentar, consulte as oportunidades de mobilidade internacional (Outgoing).

Mobilidade incoming | O número elevado de estudantes estrangeiros que escolhem a Faculdade de Letras e a participação de professores estrangeiros convidados contribuem também para uma forte experiência de internacionalização que é distintiva da Faculdade de Letras. A língua de ensino pode ser o português, o inglês, ou outra língua estrangeira adequada aos conteúdos dos seminários.
Os alunos da Faculdade de Letras pertencem à universidade europeia Unite!, uma das primeiras 17 universidades europeias, e poderão futuramente usufruir de todas as oportunidades adicionais partilhadas pelas sete universidades parceiras, numa rede que se estende desde a Espanha (UPC), a França (Grenoble Les Alpes), a Itália (POLITO), a Alemanha (TUDarmstadt), e a Suécia (KTH) até à Finlândia (Aalto).

Opções livres e condicionadas

A integração nos planos de estudo de seminários de opção livre ou condicionada (a escolher entre um grupo seleccionado de seminários) permite a personalização do percurso de cada doutorando. Todos os anos, a Faculdade oferece um elenco de centenas de seminários de doutoramento nas áreas de Ciências da Linguagem, Filosofia, História, Literaturas, Artes e Culturas. Todos podem ser frequentados como opção livre ou ainda como unidade extracurricular.

Para conhecer a oferta de seminários de doutoramento, poderá consultar os horários e as unidades curriculares.

Línguas Estrangeiras

A Faculdade de Letras proporciona aos seus alunos a oportunidade de aprender várias línguas estrangeiras, (aproveitando a frequência de unidades extracurriculares).  A oferta de línguas inclui: Alemão | Árabe | Catalão | Chinês | Espanhol | Francês | Grego (Antigo) | Hindi | Inglês | Italiano | Japonês | Latim | Língua e Cultura Arménias | Língua e Cultura Búlgaras | Língua e Cultura Checas | Língua e Cultura Croatas | Língua e Cultura Eslovenas | Língua e Cultura Polacas | Língua e Cultura Russas | Persa | Romeno | Turco.

 


 

MAIS INFORMAÇÕES

Condições de acesso

  1. grau de mestre ou equivalente legal; ou

  2. grau de licenciado, ou equivalente legal, com um currículo escolar ou científico especialmente relevante; ou

  3. a título excepcional, currículo escolar, científico ou profissional reconhecido pelo Conselho Científico da Faculdade de Letras como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos.

Alguns cursos podem ter condições de acesso específicas, aconselha-se, por isso, a consulta do regulamento de cada curso.

Candidaturas

Na Faculdade de Letras, as candidaturas aos cursos de Mestrado e Doutoramento estão abertas em permanência.

Até 31 de Outubro, aceitam-se candidaturas de alunos que pretendem iniciar a sua formação no segundo semestre do ano lectivo em curso.

Até 31 de Março, aceitam-se candidaturas de alunos que pretendem iniciar a sua formação no primeiro semestre do ano lectivo seguinte.

A candidatura é submetida exclusivamente on-line, no  Portal de Candidaturas da Faculdade de Letras.

Documentos para candidatura

  • Certidão de Licenciatura ou mestrado ou histórico escolar (se ainda não concluiu a licenciatura ou mestrado);
  • Carta de motivação (com indicação do domínio a investigar e objectivos de investigação);
  • Curriculum Vitae (incluindo trabalhos publicados, diplomas ou certidões);

Nota: Pode candidatar-se antes de terminar a licenciatura. A entrega da certidão de licenciatura só é necessária no momento da inscrição.

Critérios de selecção

A selecção de candidaturas depende da apreciação dos documentos submetidos com a candidatura e pode incluir também incluir a realização de uma entrevista. Aconselha-se a consulta do regulamento e das normas regulamentares de cada curso de doutoramento para identificação de critérios específicos de selecção.

Admissões

Os resultados das admissões aos cursos de Mestrado e Doutoramento são divulgados em

  • 15 de Abril (para início do curso no primeiro semestre do ano lectivo seguinte); e
  • 15 de Novembro (para início do curso no segundo semestre do ano lectivo em curso).

 

Inscrições

Para mais informações sobre procedimentos de inscrições, consulte a página.

Ano Académico

O ano académico na Faculdade de Letras está organizado em semestres, com 14 semanas.

  • Semestre 1: Setembro a Dezembro
  • Semestre 2: Janeiro a Maio
  • Semestre de Verão: Junho e Julho (actividades não lectivas)

 

As primeiras semanas de Setembro são dedicadas ao acolhimento aos novos alunos (1.º ano, 1.ª vez) e aos alunos em mobilidade internacional. Os programas de acolhimento oferecem várias actividades incluindo visitas guiadas aos edifícios da Faculdade e do campus da Cidade Universitária, apoio na construção de um percurso académico (escolha de disciplinas para inscrição em cada semestre) e de um horário semanal, ou a oferta de informações úteis para facilitar a sua vida académica e social (alojamento, cantinas, actividades extra-curriculares, voluntariado desporto, etc.).

Férias

O Ano Académico prevê três períodos de férias: Férias do Natal, da Páscoa e de Verão. Durante as férias, os alunos podem ter de sair do alojamento universitário. Espera-se que um aluno universitário utilize parte deste tempo para fazer leituras complementares, consolidar conhecimentos, preparar o semestre seguinte ou desenvolver pesquisa autonomamente.

Consulte o Calendário Académico

Avaliação

A Faculdade de Letras adopta o método de avaliação contínua. Espera-se por isso que o aluno forneça regularmente elementos de avaliação, envolvendo a participação activa durante as aulas ou o horário de atendimento e a conclusão de todos os elementos de avaliação previstos (testes, exercícios, trabalhos orais e escritos, apresentações orais, entre outros).

Para mais informações sobre avaliação, consulte o Regulamento de Avaliação dos Estudantes da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (RAE).

Propinas e Taxas, Bolsas e Financiamento

Candidatura: 55,00 €

Inscrição (inclui seguro escolar): 20,00 €

Propina anual: 2750,00 € (1.º ano curricular); 1 500,00 € (anos seguintes). Excepto Alterações Climáticas e Políticas e Desenvolvimento Sustentável:  2750,00 € (1.º ano curricular); 1 375,00 € (anos seguintes); Filosofia da Ciência, Tecnologia, Arte e Sociedade 2750,00 € (por ano); Programa Interuniversitário de Doutoramento em História: mudança e continuidade num mundo global (PIUDHist): 1 375,00 € (1.º ano curricular); 1 200,00 € (anos seguintes)

Os alunos podem optar pelo pagamento faseado das propinas. No seu perfil Fenix.Edu (Separador: Visualizar conta), cada aluno encontra informações precisas sobre os montantes das prestações mensais e as datas de vencimento.

Emolumentos

Os emolumentos e taxas definidos para cada ato académico são fixados na Tabela de Emolumentos dos Serviços Centrais da Reitoria da Universidade de Lisboa e da Faculdade de Letras.

A partir de 01 de setembro de 2023 serão devidos juros nos termos do disposto na alínea a) do nº 1 do artigo 1.º do Decreto-lei 73/99, de 16 de março após 30 dias corridos da criação da taxa e/ou emolumento.

Bolsas e Financiamento

Os alunos da Faculdade de Letras podem candidatar-se a várias bolsas oferecidas pela Faculdade de Letras, a Universidade de Lisboa, o Estado Português e as Câmaras Municipais do seu Concelho de residência, a Fundação para a Ciência e Tecnologia, entre outras. Podem ainda recorrer a programas de financiamento bancário, para apoio no pagamento das propinas.

 

Serviços da ULisboa

A Universidade de Lisboa coloca ao dispor dos seus alunos um conjunto de serviços e apoios importantes para uma experiência académica completa.

 

header doutoramentos ucs

 

A oferta lectiva anual da Faculdade de Letras é muito vasta e diversificada. Os alunos têm a oportunidade de construir percursos que, nalguns casos, podem ser muito personalizados. Alguns cursos integram um número elevado de opções, livres ou condicionadas.

Para construir um percurso personalizado e preparar a inscrição, não se esqueça de considerar as seguintes etapas:

 

ucs passos

 

Se tiver dúvidas na personalização do seu percurso, pode contar com o apoio dos Directores de Curso, dos Professores e de técnicos especializados (Serviços).

 

Mais de 1 400 Unidades Curriculares

Os alunos da Faculdade de Letras têm ao seu dispor uma escolha muito alargada de unidades curriculares para construir percursos que, nalguns casos, podem ser muito personalizados. Alguns cursos integram um número elevado de opções, livres ou condicionadas (pode consultar os planos de estudos de Doutoramento).

A oferta de cada ano académico

Quase todas as unidades curriculares são oferecidas todos os anos, por vezes em mais de um semestre; no entanto algumas podem ser oferecidas em anos alternados. Na preparação da inscrição, para identificar a lista de unidades curriculares oferecidas no ano académico que pretende frequentar, não se esqueça de consultar os horários de doutoramento.

Programas de Turma

Os programas de turma são sempre publicados em acesso aberto. Excepto nas unidades curriculares de língua estrangeira, os programas de turma estão redigidos na língua que será usada nas aulas (português ou inglês).

 

Programas de Turma 2024/2025

 

 

 

header doutoramentos ucs

 

A oferta lectiva anual da Faculdade de Letras é muito vasta e diversificada. Os alunos têm a oportunidade de construir percursos que, nalguns casos, podem ser muito personalizados. Alguns cursos integram um número elevado de opções, livres ou condicionadas.

Para construir um percurso personalizado e preparar a inscrição, não se esqueça de considerar as seguintes etapas:

 

ucs passos

 

Se tiver dúvidas na personalização do seu percurso, pode contar com o apoio dos Directores de Curso, dos Professores e de técnicos especializados (Serviços).

 

Mais de 1 400 Unidades Curriculares

Os alunos da Faculdade de Letras têm ao seu dispor uma escolha muito alargada de unidades curriculares para construir percursos que, nalguns casos, podem ser muito personalizados. Alguns cursos integram um número elevado de opções, livres ou condicionadas (pode consultar os planos de estudos de Doutoramento).

Descrições e Programas de Turma

Para facilitar a escolha de disciplinas/unidades curriculares, encontra nestas páginas uma descrição breve dos objectivos de cada unidade curricular de doutoramento. Estas descrições são genéricas: para cada semestre pode também consultar no Fenix os programas concretos que serão oferecidos para cada seminário de pós-graduação ou para cada turma. Os programas de turmas são sempre publicados em acesso aberto e estão redigidos na língua que será usada nas aulas (português ou inglês).

A oferta de cada ano académico

Quase todas as unidades curriculares são oferecidas todos os anos, por vezes em mais de um semestre; no entanto algumas podem ser oferecidas em anos alternados. Na preparação da inscrição, para identificar a lista de unidades curriculares oferecidas no ano académico que pretende frequentar, não se esqueça de consultar os horários de doutoramento.

  

Postgraduate units taught in English

A-B

A Família na Idade Média

Código: HIS8.920518

ECTS: 12

Objectivos: Pretende-se examinar a família como unidade básica das sociedades tradicionais, muitas vezes na origem de estruturas mais complexas como comunidades aldeãs, comunidades religiosas, cortes senhoriais e reais ou mesmo da própria instituição monárquica. Pretende-se ainda dar seguimento a projetos de investigação que se preocupem com a Onomástica enquanto processo de criação e de manutenção de identidade linhagística, ao mesmo tempo que atua como reflexo dos mecanismos sociais e de género. Preocupar-nos-á ainda a constituição de redes de poder com base em alianças matrimoniais, com as consequentes alterações do património territorial das famílias envolvidas.

Programa de Turma 2023/24:

A História de África na História Mundial

Código: HIS8.920517

ECTS: 12

Objectivos: A partir da historiografia que situa África na História Mundial (“World History”), esta UC propõe-se discutir perspetivas historiográficas, problemas teóricos e metodológicos e, ainda, os contributos de outros saberes, para além de se avaliar o papel da historiografia nos debates sobre o lugar de África.  Assume particular importância a história das interconexões da História de África com a da comunidade humana global e, assim, das suas implicações nas múltiplas experiências, desde a escala local à escala intercontinental e transcontinental.

Antropologia e Etnologia das Religiões

Código: REL8.920545

ECTS: 12

Objectivos: Nesta UC, pretende-se compreender as relações entre religião, cultura, sociedade e indivíduo. Descrever as religiões nas modernidades múltiplas. Descrever os processos sociais de «destradicionalização». Identificar os fatores sociais de recomposição das identidades religiosas e de emergência de novas sociabilidades religiosas.

Artefactos, Matérias e Espacialidades

Código: TEA8.920624

ECTS: 6

Objectivos: As práticas cénicas contemporâneas interessaram-se por explorar novas modalidades de figuração e representação do corpo, onde o ator e o artefacto se articulam enquanto dois corpos teatralizados. Nesse sentido, o seminário propõe observar diferentes linhas de delegação do ator pela matéria e de incarnação de corpos artificiais, seja através de marionetas, máscaras, objetos de cena, figurinos, máquinas de cena ou ainda pela marionetização do corpo no jogo do ator. Através das teorias de Edward Gordon Craig, Oskar Schlemmer, Maurice Maeterlinck, entre outros autores, pretende-se abrir a discussão sobre novas formas de transfigurar e recriar o corpo em cena.

Assiriologia

Código: HIS8.920451

ECTS: 12

Objectivos: Assiriologia estuda a história e a cultura da antiga Mesopotâmia, desde o aparecimento das primeiras cidades, em meados do IV milénio a.C., até à queda do seu último império, em c. 539 a.C. Através da leitura e análise de fontes históricas escritas e iconográficas, pretende-se que os discentes reconheçam a diversidade cultural desta civilização, os processos sincréticos, políticos e religiosos, que se operam dentro da mesma e a importância do seu legado na sociedade dita ocidental.

 

 

header ucs

 

Até 31 de março de 2024: Candidaturas para iniciar o curso no 1.° Semestre (Setembro) de 2024/2025)

Até 15 de abril de 2024: Decisão de admissões (curso a iniciar no 1.° Semestre (Setembro) de 2024/2025)

Até 15 de Junho 2024: Candidaturas (vagas sobrantes para iniciar o curso no 1.º Semestre 2024/2025)

Até 30 de Junho 2024: Admissões (curso a iniciar no 1.º Semestre 2024/2025)

De 02 de Setembro 2024 até 15 de Novembro 2024: Candidaturas (para iniciar o curso no 2.º Semestre 2024/2025)

Até 30 de Novembro 2024: Admissões (curso a iniciar no 2.º Semestre 2024/2025)

Candidaturas online no Portal académico FENIX »

 

Documentos para candidatura

  • Certidão de licenciatura ou mestrado* ou histórico escolar, se ainda não concluiu a licenciatura ou mestrado; 
  • Carta de motivação (com indicação do domínio a investigar e objectivos);
  • Curriculum Vitae (incluindo trabalhos publicados, diplomas ou certidões);

 

Para além dos documentos mencionados, poderão ser exigidos documentos adicionais. Assim sendo, deverá consultar o regulamento específico do curso a que se candidata, bem como, os requisitos de língua (se aplicável), para se inteirar da documentação adicional que deverá submeter.

* Quando emitidos por instituições de países extracomunitários, os documentos comprovativos de habilitações devem ser legalizados por agente consular português ou pela Apostila de Haia, sendo estas legalizações efetuadas no país de origem dos documentos.

Nota: Pode candidatar-se antes de terminar o grau anterior. Basta entregar a certidão de conclusão no momento da inscrição.

Para que a candidatura seja considerada, o pagamento da mesma, tem que ser realizado, impreterivelmente, dentro do prazo estipulado para as candidaturas.

 

Mesmo que o pagamento seja realizado dentro do prazo estipulado para as candidaturas, mas fora da data limite definida na própria taxa, acresce juros sobre a mesma.

Propinas e taxas

  • Candidatura: 55,00€
  • Inscrição (inclui seguro escolar): 20,00€
  • Propina anual: 2750,00€ (1.º ano curricular); 1 500,00€ (anos seguintes). Excepto: Alterações Climáticas e Políticas e Desenvolvimento Sustentável: 2750,00€ (1.º ano curricular); 1 375,00€ (anos seguintes); Filosofia da Ciência, Tecnologia, Arte e Sociedade 2750,00€ (por ano); Programa Interuniversitário de Doutoramento em História: mudança e continuidade num mundo global (PIUDHist): 1 375,00€ (1.º ano curricular); 1 200,00€ (anos seguintes).

 

No seu perfil Fenix.Edu (Separador: Visualizar conta), cada aluno encontra informações precisas sobre os montantes das prestações mensais e as datas de vencimento. 

O estudante internacional (artigo 3º do Decreto-Lei n.º 36/2014, de 10 de Março, alterado e republicado pelo Decreto-Lei n.º 62/2018, de 6 de Agosto), em caso de colocação e matrícula deve efetuar o pagamento do valor correspondente à 1ª prestação de propina. Efetuado o pagamento, o estudante está em condições, caso pretenda, de solicitar documento comprovativo que ateste a sua aceitação e/ou matrícula no curso.”

Resultados das candidaturas

Consulte aqui os resultados das Candidaturas.

Nota para os candidatos admitidos: A admissão só é válida para o início do curso no semestre e ano lectivo ao qual se candidatou e foi admitido. A não realização matrícula e inscrição implica a caducidade do direito à matrícula e inscrição no ciclo de estudos.

 

Inscrições

Para mais informações sobre procedimentos de inscrições, consulte a página.

 

Mais Informações

Divisão de Serviços Académicos, Núcleo de Estudos Pós-Graduados
Tel.: 217 920 030

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

header ucs

 

Em 2023/2024, os seminários de doutoramento funcionarão em ensino presencial: por regra, uma sessão de 180 minutos, por semana.

As matrículas e inscrições são feitas exclusivamente online (no Portal académico FENIX da Faculdade de Letras) seguindo o Calendário de Procedimentos | Serviços Académicos.

Apoio telefónico para matrículas e inscrições

Nos dias de matrículas e inscrições, os estudantes podem recorrer a uma linha de apoio ao processo de matrícula e inscrição. Ao ligar para esta linha de apoio, a chamada será encaminhada para um membro da equipa dos Serviços Académicos que estará a dar apoio exclusivo ao processo de matrícula e inscrição. Todo o apoio será prestado exclusivamente através desta linha de apoio telefónico.

Linha de apoio ao processo de matrícula e inscrição: 21 792 00 30

Horário: 15 a 18 de Janeiro 2024, das 09:30-12:30 e 14:00-17:00

Nota: Durante o processo de inscrições, é frequente verificar-se um volume excessivo de acessos simultâneos à plataforma de gestão académica FenixEdu. É por isso possível receber a mensagem “Serviço Fenix em Manutenção” quando tenta aceder à plataforma. Se receber essa mensagem, deve proceder do seguinte modo: aguardar alguns momentos e voltar aceder ao FenixEdu. Por vezes, o sistema está a processar um número elevado de pedidos de outros estudantes. Logo que ficar concluído esse processamento, o FenixEdu permite novamente o acesso de novos estudantes à plataforma.

Antes da inscrição

Deve preparar com antecedência a sua inscrição.

Não se esqueça de consultar:

 

Assim poderá fazer uma escolha informada das unidades curriculares em que pretende inscrever-se.

Tenha também em conta que:

  • No momento da sua inscrição, pode acontecer que uma turma pretendida não tenha vaga disponível. É sempre aconselhável identificar algumas alternativas.
  • A sua inscrição deve contemplar um número de unidades curriculares que totalizem 30 ECTS por semestre.
  • Excepcionalmente, o Regulamento de Avaliação permite a inscrição em mais 12 ECTS por semestre, verificada uma de várias condições específicas: Portanto, mesmo que corresponda às condições descritas, a sua inscrição não pode exceder 42 ECTS por semestre.
  • A inscrição tem como requisito obrigatório a não existência de quaisquer dívidas. O estudante deve garantir que o pagamento de montantes em dívida estão efetuados e concluídos com uma antecedência mínima de 72 horas (3 dias úteis).

 

Acesso ao Fénix

 Na página do FenixEdu de Letras, deve clicar em “Login ULisboa”. Na página de Autenticação Centralizada da ULisboa deve clicar no logótipo da FLUL, inserir o seu nome de utilizador/ username e palavra-passe/ password, usando as credenciais da conta @edu.ulisboa.pt. Ao clicar em “Login”, será redirecionado para a sua área Fénix.

Pagamento das Propinas

Pagamento

A referência multibanco necessária para o pagamento das propinas e da taxa de inscrição está disponível no FenixEdu (Separador: Aluno > Consultar > Visualizar conta > Referências para Pagamento) logo que concluir a inscrição. 

Prazos

Depois de concluir a inscrição no FenixEdu, o aluno tem 10 dias para pagar a taxa de inscrição e a propina anual.

Pagamento total ou faseado

Os alunos podem optar pelo pagamento faseado das propinas. No seu perfil FenixEdu (Separador: Aluno > Consultar > Visualizar conta > Referências para Pagamento), cada aluno encontra informações precisas sobre os montantes das prestações mensais e as datas de vencimento. Se optar pelo pagamento faseado, o aluno tem 10 dias para pagar a taxa de inscrição e a primeira prestação das propinas.

Tenha em consideração que:

  • “o não pagamento da propina implica a nulidade de todos os atos curriculares praticados, suspensão de matrícula e inscrição anual e privação do direito ao acesso aos apoios sociais” (artigo 29.º da Lei n.º 37/2003, de 22 de Agosto); e
  • “A obrigação de pagamento de propina cessa nos casos em que seja deferido requerimento de anulação da inscrição na totalidade das unidades curriculares do ano letivo em curso, sem prejuízo de ser devido o pagamento das prestações da propina já vencidas” (Regulamento de Propinas da Universidade de Lisboa).
  • Para fazer cessar a obrigação de pagamento das propinas, o aluno tem de pedir a anulação da inscrição, usando o formulário disponível aqui.

Cartão de Estudante

Pedido e emissão do cartão

O Cartão de Estudante da Universidade de Lisboa (ULisboa), emitido pela Caixa Geral de Depósitos (CGD), é de carácter obrigatóriona sua vertente não bancária.

O cartão é requerido no Portal Académico FENIX. No final do processo de matrícula no portal académico, os alunos são encaminhados para o website caixaonboarding.cgd.pt onde podem concluir o processo de adesão ao cartão, mediante autenticação através de Chave Móvel Digital.

Para emissão do cartão, é necessário seleccionar a opção “Enviar Dados”, no portal académico, para que os dados necessários sejam comunicados à Caixa Geral de Depósitos.

Em alternativa o pedido pode ser feito, entre os dias 11 e 15 de setembro no stand da CGD localizado no átrio da Faculdade de Letras. Após este prazo, o pedido pode ainda ser feito presencialmente num balcão da Caixa Geral de Depósitos (aconselhamos o balcão da Caixa Geral de Depósitos existente na Reitoria da Universidade de Lisboa).

Cartão com vertente bancária

Caso pretenda mudar a sua escolha, e solicitar posteriormente um cartão com vertente bancária, deverá fazer novamente login no Portal Académico FENIX e aceder ao menu Portal Pessoal > Área Pessoal > Autorizações, ativando a autorização de envio de dados adicionais para a CGD, e procedendo ao reenvio digital dos dados novamente para a CGD em Portal Pessoal > Área Pessoal > Cartão Identificação.

Cartão temporário

Os cartões temporários serão atribuídos de imediato aos alunos que se dirijam ao stand da CGD. Se o cartão for solicitado a partir do website de atendimento virtual da CGD, o cartão será recebido no prazo de uma a duas semanas, na morada de residência indicada.Os alunos podem usar os cartões temporários para acesso aos serviços (por exemplo, refeitórios dos Serviços de Acção Social) até à recepção do cartão de Estudante da ULisboa definitivo.

Recepção do cartão

O processo de produção/entrega do cartão só ficará concluído após confirmação presencial no stand da CGD na Faculdade de Letras ou num balcão  CGD ou, em alternativa, através do atendimento virtual da Caixa Geral de Depósitos.

Dados pessoais

Para a emissão de cartão sem vertente bancária, do formulário de matrícula preenchido pelo aluno no Portal Académico FENIX apenas transitam para a CGD os Dados Básicos, estritamente necessários para impressão no cartão e para validação da unicidade do aluno.

Caso seja selecionada a emissão de cartão com vertente bancária transitarão para a CGD todos os Dados de Identificação Pessoal, correspondentes a todos os campos do formulário Modelo 43 (requerido pelo Banco de Portugal), e cuja utilização o aluno deverá autorizar explicitamente, após leitura atenta das condições.

Comprovativo de Inscrição e Passe Sub 23

Os comprovativos de inscrição e o Passe sub 23 podem ser solicitados através do módulo “requisições”, disponível na sua área pessoal do FenixEduVeja aqui o manual.

Alteração de Inscrição

Os pedidos de alteração de inscrição em unidade curricular e/ou turma foram simplificados e processam-se da seguinte forma:

  • Os pedidos de alteração de inscrição seguem os prazos definidos no Calendário de Procedimentos | Serviços AcadémicosNão são aceites pedidos fora de prazo.
  • requerimento de alteração de inscrição é submetido exclusivamente online no FenixEdu, seguindo os passos descritos no Manual de Alteração de Inscrição.
  • O formulário pode ser submetido no portal FenixEdu em vários formatos de imagem (pdf, jpg, jpeg, gif, png).
  • Cada estudante pode submeter um só requerimento por semestre, devendo agregar nesse requerimento todas as alterações pretendidas.
  • Os pedidos de alteração de inscrição são aceites somente durante a primeira semana de aulas do semestre a que dizem respeito (com a excepção dos alunos de Estudos Gerais e dos alunos de mobilidade internacional incoming).
  • Têm prioridade os pedidos de alteração de inscrição em UC obrigatórias no plano de estudos do curso em que o  aluno está inscrito.   
  • Só se aceitarão excepcionalmente pedidos de inscrição, para além do  número limite de vagas inicialmente estabelecido para a turma, se devidamente autorizadas pelo docente (mediante assinatura no formulário).
  • Cada alteração solicitada (com excepção de anulação de inscrição em UC) tem um custo de 7,50 Euros (de acordo com a tabela de emolumentos em vigor). Uma vez concluída a análise do requerimento pela DSA, ficam disponíveis, na área FENIX do aluno, o valor devido bem como a referência Multibanco para efectuar o pagamento.
  • Só serão considerados pedidos de alteração devidamente enquadrados pelo Regulamento de Avaliação dos Estudantes da Faculdade de Letras ULisboa (RAE)

Creditação de Unidades Curriculares

Concluída a matrícula/inscrição no curso, o estudante que tenha realizado formação em outras instituições de ensino superior poderá efetuar um pedido de creditação de unidades curricularesa.

Os pedidos de creditação de unidades curriculares seguem os prazos definidos no Calendário de Procedimentos | Serviços Académicos e têm um custo associado (ver Tabela de Emolumentos da Faculdade de LetrasTabela de Emolumentos da Faculdade de Letras). 

Para o efeito, o estudante deverá entregar (presencial ou por email):

  1. Requerimento de Creditação de Unidades Curriculares
  2. Cópia de certificado(s) de habilitações académicas obtidas em instituições de ensino superior públicas ou privados, nacionais ou estrangeiras.
  3. Declaração autenticada pela instituição de ensino superior frequentada, da qual conste a organização do sistema de créditos ou cópia do regulamento ECTS aprovado e publicado em DR (aplicável se o pedido integrar a atribuição de créditos)
  4. Programas autenticados das unidades curriculares e/ou formações realizadas fora da Faculdade de Letras.

Formulários

 

 

Todos os formulários podem ser enviados para: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Contactos úteis

Se tiver dúvidas na personalização do seu percurso académico, pode contar com o apoio do seu Director de Curso (Encontra os contactos na página Doutoramentos) ou dos Professores das unidades curriculares de Doutoramento.

Para esclarecer dúvidas relacionadas com os procedimentos de inscrição, pode contar com o apoio de técnicos especializados (Serviços da Faculdade de Letras)

Procedimentos de Inscrição

Núcleo de Estudos Pós-graduados, Divisão de Serviços Académicos

Telefones:  21 792 00 30

EmailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Propinas

Tesouraria (Divisão de Gestão Financeira e Patrimonial)

Telefone: 21 792 00 25

EmailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

Conta @campus

Recuperação do acesso da conta ULisboa

Divisão de Sistemas e Informática

EmailEste endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.